Denominação de logradouros homenageia cidadãos de Bocaina de Minas

10Mais dois logradouros do município de Bocaina de Minas terão nomes de cidadãos bocainenses. De acordo com o projeto de lei 003/2014, de autoria do vereador Lucas Diniz, a estrada que liga a comunidade de Santo Antônio do Rio Grande até a divisa com o município de Alagoas, passando pelo Vale do Paiol e subindo pela Serra Verde, terá a denominação de Francisco Antonio Diniz, o conhecido Chico Oseias.

Já o projeto de lei 004/2014, do vereador Antônio de Pádua, denomina o logradouro que se inicia à direita da Vila Martins, na rodovia Joanito Balieiro, numa extensão de 250 metros, como Lira Maria da Costa. Os projetos foram aprovados por unanimidade e, de acordo com o vereador Antônio de Pádua, os dois cidadãos citados nos projetos são merecedores da homenagem. “Não há nem o que discutirmos. Na minha opinião, é uma homenagem muita justa a estes dois cidadãos”, argumentou o vereador.

A sessão também teve como tema debatido pelos vereadores a realização de audiência pública, no dia 11 de abril, para a regulamentação do projeto de lei de outorga de permissão para a execução do serviço público de transporte individual por taxi. “Essa audiência pública tem que ser feita e devemos chamar também os taxistas para tentarmos chegar a um acordo para esse projeto”, declarou o presidente Lucas Diniz.

Segundo o vereador Lúcio Costa, o projeto, solicitado pela promotoria pública, já passou pela Câmara e, no entanto, não foi concluído.”Quem está pedindo o termo de ajustamento de conduta é o próprio promotor. Esse projeto já veio duas vezes para a Câmara e não chegaram a um denominador comum”. Ainda de acordo com Lúcio, o município deverá outorgar vinte permissões para a execução do serviço de táxi.

Já sobre o transporte escolar, em virtude de reclamações dirigidas aos vereadores, nas quais o veículo escolar não estava adequado ao número de alunos a ser transportado, o legislativo decidiu convocar o chefe do executivo e secretários para se pronunciarem a respeito e discutirem soluções para os problemas. “A comunidade do palmital ficou um mês sem a kombi para transportar os alunos. O transporte estava sendo feito num carro de passeio”, afirmou o presidente Lucas Diniz. A data da convocação ainda será escolhida.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *